PAREM A GUERRA NA PERIFERIA!

O centro Acadêmico Cândido de Oliveira vem, com muito pesar pelas últimas mortes ocorridas, repudiar a ação policial que vem ocorrendo no Complexo do Alemão.

No fim da tarde da última quinta-feira, dia 2 de abril, essa mesma operação resultou na morte de Eduardo de Jesus Ferreira, de apenas 10 anos, atingido por um tiro de fuzil na entrada de sua residência. Um fato nessa escala certamente evidencia contradições do suposto Estado democrático de direito em que vivemos.

Não se pode falar em estado democrático de direito num plano onde indivíduos são sentenciados à morte arbitrariamente a mando de entes policiais e de supostos representantes do nosso povo.

Não é possível falar em estado democrático de direito quando determinado tratamento é imputado aos indivíduos de acordo com a cor da pele ou condição social.

Não é possível falar em estado democrático de direito sem uma busca incessante pelo seu devido alcance, e não criando leis que reprimam ainda mais nossa condição humana.

Prestamos nossa solidariedade às famílias das vítimas, que, neste domingo de Páscoa, têm suas histórias abafadas pela mídia e que vivem a repressão policial cotidianamente, mesmo em um dia de feriado.

Seguiremos lutando JUNTXS.CACO 2015 ::: gestão pelo direito, sempre!10399431_810609798994957_8091588043517101439_n

You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave a Reply