NOTA DOS CENTROS ACADÊMICOS PELA PERMANÊNCIA ESTUDANTIL NO CENTRO

Com a expansão da universidade, a adoção do sistema ENEM/SISU e o aumento progressivo da política de cotas, o perfil do estudante da UFRJ está mudando, finalmente estudantes oriundos das classes populares historicamente desfavorecidos estão do lado de dentro dos muros da universidade. Agora o desafio é fazer com que permaneçam e concluam seus cursos, desafio este que o governo federal e a reitoria vem sistematicamente negligenciando.

Com os estudantes do centro isso não é diferente, IFCS, FND e Escola de Música sofrem um processo de isolamento político e institucional dentro da Universidade. Isso resulta em campus sem bandejão, moradia e com restrições de acesso pelo transporte interno. A própria UFRJ classifica nossos espaços como “Unidades Isoladas”, no entanto, mesmo com essa classificação, ressaltamos que permaneceremos no centro da cidade. Podemos estar isolados fisicamente, mas defendemos nosso papel na disputa por uma universidade pública, gratuita e de qualidade. É compromisso de todos os estudantes lutar contra a elitização da universidade e todas as formas de opressão existentes nela.

Os Centro Acadêmicos abaixo listados, exigem uma política de permanência estudantil realmente efetiva que ultrapasse o simples limite de algumas bolsas pagas. Queremos bandejão, moradia, transporte interno eficiente. Uma estrutura que realmente favoreça a permanência estudantil.

Nesse sentido, nossa postura durante o ano de 2015 será combativa. Exigimos que o governo federal e a reitoria tratem a permanência estudantil como prioridade e trabalhem pelo nosso direito. Por uma universidade cada vez mais colorida, popular e realmente inclusiva!

Centros Acadêmicos da UFRJ, uni-vos!

CACS – MCC
CAMMA
CAEFD
CACO

You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave a Reply